VIVER O DOMINGO DA EXALTAÇÃO DA SANTA CRUZ

14 DE SETEMBRO DE 2014


Evangelho segundo João 3, 13-17

Naquele tempo, disse Jesus a Nicodemos: «Ninguém subiu ao Céu senão Aquele que desceu do Céu: o Filho do homem. Assim como Moisés elevou a serpente no deserto, também o Filho do homem será elevado, para que todo aquele que acredita tenha n’Ele a vida eterna. Deus amou tanto o mundo que entregou o seu Filho Unigénito, para que todo o homem que acredita n’Ele não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus não enviou o seu Filho ao mundo para condenar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por Ele».



Quando o céu e a terra se unem


A festa da Exaltação da Santa Cruz coloca em destaque a centralidade deste sinal sagrado que acompanha a vida do cristã desde o seu nascimento até à sua morte, que une o céu com a terra, graças à entrega até ao extremo do Senhor Jesus Cristo.
Em cada dia traçamos a cruz no nosso corpo, nas diversas orações, indicando a nossa adesão Àquele que, por nós, morreu no Calvário. É a nossa marca, que nos remete continuamente para a oferenda excecional de Cristo até dar a vida no patíbulo. É o sinal do perdão face à ofensa, da força que brota da debilidade.
A cruz está presente nas igrejas, casas e no nosso próprio corpo. Nalguns lugares, converteu-se em lugar de peregrinação. Há cruzes no nosso mundo que nos unem especialmente ao santo madeiro, como são as daqueles que vivem a exclusão, a violência, a fome e tantos sofrimentos. A nossa sociedade precisa que mostremos a Cruz de Jesus Cristo, da qual dimana a sua força redentora e o seu amor por esta humanidade doente.

Pelo madeiro da Cruz
veio ao mundo inteiro 
a alegria, o perdão e o amor!

© Kamiano
© desenho de Patxi Velasco Fano — texto de Fernando Cordero
© tradução e adaptação de Laboratório da fé, 2014
A utilização ou publicação deste texto precisa da prévia autorização do autor

Viver o domingo da Exaltação da Santa Cruz (14 de setembro), no Laboratório da fé, 2014

Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 14.9.14 | Sem comentários
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários