VIVER A QUARESMA


5 DE MARÇO A 17 DE ABRIL — AO RITMO DA LITURGIA

O Laboratório da fé apresentou, em 2013, uma caminhada quaresmal inspirada no Ciclo C de Cortés (RD-Herder), tendo como ponto de apoio os textos evangélicos para os dias quaresmais. Neste ano pastoral (2013+14), voltamos a recuperar a proposta com algumas adaptações.

Brilhará na escuridão a tua luz

Ao longo deste ano litúrgico (Ano A) caminhamos iluminados por uma luz, a luz da fé. A temática da luz, apoiada na Carta Encíclica do papa Francisco sobre a fé — «Lumen Fidei», marca o ritmo do nosso itinerário litúrgico e existencial. Por isso, nesta Quaresma queremos que o seguimento de Jesus Cristo e o acolhimento dos seus ensinamentos se transformem em luz capaz de dissipar a escuridão que, muitas vezes, nos envolve para deixar brilhar a luz que nos habita.
Jesus Cristo convida-nos a ir com ele para um lugar tranquilo para receber, através dos seus ensinamentos, um «mestrado em Jesus Cristo», isto é, aprender a viver o Evangelho.
Este mestrado dura quarenta dias (tal como a Quaresma) e consta de sete lições magistrais:
  1. sobre o estilo (5 a 8 de março): classe magistral sobre «a forma de ser» dos discípulos de Jesus Cristo; > > >
  2. sobre o núcleo da mensagem (9 a 15 de março): «core business», o miolo da mensagem que tem de ser transmitida pelo discípulo de Jesus Cristo; > > >
  3. sobre o enfoque (16 a 22 de março): «focus», a pequenez entendida como verdadeira grandeza; > > > 
  4. sobre o trabalho de campo I (23 a 29 de março): «fieldwork», o conhecimento da realidade, a necessidade de perceber os sinais dos tempos para que a nossa ação seja eficaz; > > >
  5. sobre o trabalho de campo II (30 de março a 5 de abril): «fieldwork», o conhecimento de Deus, a necessidade de perceber Deus para que a nossa ação seja profunda; 
  6. sobre a atitude e a técnica do apostolado (6 a 12 de abril): «tools», o perdão e a misericórdia como instrumentos de trabalho; 
  7. sobre as equipas (13 a 17 de abril): «the team», a comunidade como espaço imprescindível para a vivência do Evangelho. 
Tomemos bons apontamentos, porque teremos de fazer um exame final; e porque imediatamente depois da Quaresma (na Páscoa) começam as aulas práticas.

© Laboratório da fé, 2014

Brilhará na escuridão a tua luz

Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 5.3.14 | Sem comentários
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo