La Biblia compartida — blogue de Javier Velasco-Arias y Quique Fernández

A fé e o serviço são as duas colunas onde se apoia o ensinamento do evangelho do vigésimo sétimo domingo (Ano C). Ambas são apresentadas por Jesus de forma paradoxal.
A confiança em Deus, à qual Jesus nos convida, está acima de qualquer cálculo humano; não tem nada a ver com uma fé «racionalista». Implica confiar no Senhor até às últimas consequências. Ele pode mudar as coisas, mesmo as que, à primeira vista, nos parecem impossíveis. Nunca podemos perder a esperança. As situações difíceis na vida são muitas, mas Deus está do nosso lado. Não o podemos esquecer.
No entanto, ao mesmo tempo, exige de nós uma atitude de serviço, de disponibilidade: Deus conta com cada um e cada uma de nós, para mudar as coisas, para «criar» um mundo melhor. A tarefa a realizar é enorme: situações de flagrante injustiça; homens e mulheres a quem não se reconhece a sua dignidade de pessoas; seres humanos «sedentos» de uma palavra de apoio, de reconhecimento social, com necessidades de vária ordem; realizar um trabalho evangelizador titânico...
E, curiosamente, a lógica evangélica pouco tem que ver com a lógica habitual do mundo: «Somos inúteis servos: fizemos o que devíamos fazer». Não podemos procurar o aplauso dos outros por ter feito um serviço inevitável, ao qual não temos direito a renunciar.

© Javier Velasco-Arias

© tradução e adaptação de Laboratório da fé, 2013
A utilização ou publicação deste texto precisa da prévia autorização do autor



  • Reflexão diária a partir do evangelho > > >
  • Os Apóstolos disseram ao Senhor: «Aumenta a nossa fé» > > >



Preparar o vigésimo sétimo domingo, ano C, no Laboratório da fé
Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 3.10.13 | Sem comentários
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários