PREPARAR O DOMINGOvigésimo terceiro domingo


Não há hesitações! É preciso renunciar a tudo a que estamos apegados para seguir Jesus Cristo.
As palavras de Jesus são duras de escutar, difíceis de compreender e parecem ainda mais complicadas de realizar.
No entanto, Jesus não nos manda fazer isso de imediato. Propõe-nos dar um tempo para considerar e para pensar como nos vamos posicionar para ser seus discípulos.
Tomar a cruz? Mas, qual cruz? Preferi-lo à própria família? Não se poderá amar mais? Renunciar aos bens? Vamos vender tudo o que temos?
Questões legítimas. O impulso do coração está primeiro, mas para ter tempo, é vital parar para repensar a nossa história e ver onde estão os nossos apegos e como lhes vamos renunciar.
Se queres ter um programa para o início do ano pastoral, não precisas de procurar mais!
Peçamos a Maria, «a primeira a caminho», que festejamos neste domingo, para nos guiar na estrada do desapego.

© Marie-Bernadette Caro — www.versdimanche.com
© tradução e adaptação de Laboratório da fé, 2013
A utilização ou publicação deste texto precisa da prévia autorização do autor




  • Reflexão diária a partir do evangelho > > >
  • Esse homem começou a edificar, mas não foi capaz de concluir > > >
  • A exigência do seguimento > > >
  • Ser cristão não é algo cultural > > >
  • Lucas 14, 25-33 — notas exegéticas > > >
  • Três condições... e um único benefício > > >



Preparar o vigésimo terceiro domingo, ano C, no Laboratório da fé
Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 7.9.13 | Sem comentários
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários