PROPOSTA PARA O DÉCIMO TERCEIRO DOMINGO


Ao longo de várias semanas, seguindo a proposta de Miquel Raventós, na revista «Misa dominical», sugerimos um texto relacionado com o II Concílio do Vaticano para ser lido na eucaristia dominical: no final da homilia ou no silêncio da comunhão ou quando parecer mais oportuno...

No discurso na conclusão da primeira sessão do II Concílio do Vaticano, no dia 8 de dezembro de 1962, o papa João XXIII não escondeu as divergências: «Num quadro tão vasto, é bem natural que tenham sido necessários alguns dias para se chegar a um entendimento sobre o que, dentro da caridade, era motivo de compreensíveis e ansiosas divergências: também isto tem a sua finalidade providencial para o realce da verdade, e mostrou perante o mundo a santa liberdade dos filhos de Deus, tal como ela se encontra na Igreja».
No final desse discurso, o papa pressente a quantidade de trabalhos que o esperam. Nós, hoje, dizemos que se trata da «receção» do Concílio por parte dos cristãos. Naquele dia, afirmou: «Tratar-se-á então de estender a todos os campos da vida da Igreja e às suas repercussões sociais tudo quanto for indicado pela assembleia conciliar [...]. Nessa fase importantíssima ver-se-ão os Pastores unidos num gigantesco esforço de pregação da verdadeira doutrina».
Cinquenta anos depois, esta fase da «receção» do Concílio ainda não está terminada!
© tradução e adaptação de Laboratório da fé, 2013



  • Outros textos relacionados com esta proposta
    [1[2[3] [4]

Ano da fé (2012-2013), Papa Francisco
Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 29.6.13 | Sem comentários
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários