Ao ritmo da liturgia [no Ciclo C de Cortés (RD-Herder)]


Pentecostes e sétima semana
[anos ímpares]

O mesmo Espírito que animou Jesus Cristo


Durante o tempo pascal, recebemos conselhos para viver ao máximo a nossa vida cristã de ressuscitados (alimentação saudável, exercício, médico, psicólogo, atividade laboral). Agora, encerramos este etapa do ano, com um resumo de como viver cada dia com o mesmo Espírito de Jesus (DOMINGO: «Recebei o Espírito Santo»).
Começaremos cada dia saindo do sonho e sintuando-nos na presença de Deus (SEGUNDA: Jesus tomou-o pela mão e levantou-o»); adotaremos de imediato a atitude de serviço (TERÇA: «Quem quiser ser o primeiro será o último de todos e o servo de todos»); teremos consciência de todo o bem que nos rodeia (QUARTA: «Quem não é contra nós é por nós»): e praticaremos, durante todo o dia, a vida evangélica (QUINTA: «Vivei em paz uns com os outros»), motivados pelo próprio Evangelho, em cada caso particular que nos seja apresentado (SEXTA: «Pode um homem repudiar a sua mulher?»).
Assim, dia a dia, com o sonho renovado de uma criança (SÁBADO: «Quem não acolher o reino de Deus como uma criança, não entrará nele»).

Por que não prestar atenção especial, esta semana, a analisar quanto de cristão há no nosso dia a dia e no nosso hora a hora?

© José Luis Cortés — El ciclo C, Herder Editorial
© tradução e adaptação de Laboratório da fé, 2013
A utilização ou publicação deste texto precisa da prévia autorização do autor

Pentecostes e Sétima semana no Laboratório da fé, 2013
Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 20.5.13 | Sem comentários
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários