Espírito da pregação e do culto


Estudando, sob a orientação do magistério, a Sagrada Escritura, os santos Padres e Doutores, e as liturgias das Igrejas, expliquem como convém as funções e os privilégios da Santíssima Virgem, os quais dizem todos respeito a Cristo, origem de toda a verdade, santidade e piedade. Evitem com cuidado, nas palavras e atitudes, tudo o que possa induzir em erro acerca da autêntica doutrina da Igreja os irmãos separados ou quaisquer outros. E os fiéis lembrem-se de que a verdadeira devoção não consiste numa emoção estéril e passageira, mas nasce da fé, que nos faz reconhecer a grandeza da Mãe de Deus e nos incita a amar filialmente a nossa mãe e a imitar as suas virtudes (Constituição Dogmática sobre a Igreja — «Lumen Gentium», 67).

Mistérios a partir do texto da «Lumen Gentium»


  • PRIMEIRO MISTÉRIO: EXPLIQUEM AS FUNÇÕES E PRIVILÉGIOS DA DA SANTÍSSIMA VIRGEM
A catequese e a pregação devem mostrar que a grandeza de Maria provém da sua privilegiada relação com Cristo, o Filho de Deus feito homem; ao receber Cristo na sua fé virginal, Maria participa de um modo absolutamente singular na sua graça. Se for apresentada aos fiéis a figura autêntica de Maria, a sua fé em Cristo e o seu amor aos humanos (síntese da vida cristã), o sentimentalismo de uma devoção tradicional cederá o lugar a uma atitude verdadeiramente religiosa, radical e conscientemente cristã (Juan Alfaro).

  • SEGUNDO MISTÉRIO: CRISTO ORIGEM DE TODA A VERDADE, SANTIDADE E PIEDADE
Na Virgem Maria, tudo é relativo a Cristo e dependente dele: foi em vista dele que Deus Pai, desde toda a eternidade, a escolheu Mãe toda santa e a plenificou com dons do Espírito a ninguém mais concedidos. A genuína piedade cristã, certamente, nunca deixou de pôr em realce essa ligação indissolúvel e a essencial referência da Virgem Maria ao divino Salvador. Isto concorrerá, sem dúvida, para tornar mais sólida a piedade para com a Mãe de Jesus (Paulo VI, Exortação Apostólica para a reta ordenação e desenvolvimento do culto à Bem-aventurada Virgem Maria — «Marialis cultus», 25).

  • TERCEIRO MISTÉRIO: EVITEM TUDO O QUE POSSA INDUZIR EM ERRO
O II Concílio Vaticano denunciou tanto o exagero de conteúdos ou de formas, que vai até ao ponto de falsear a doutrina, como a mesquinhez de mente que chega a obscurecer a figura e a missão de Maria; de igual modo alguns desvios cultuais: a vã credulidade, que a uma aplicação séria substitui o dar-se facilmente a práticas apenas exteriores; o estéril e passageiro impulso do sentimento, tão alheio ao estilo evangélico, que exige esforço perseverante e efetivo (Paulo VI, Exortação Apostólica para a reta ordenação e desenvolvimento do culto à Bem-aventurada Virgem Maria — «Marialis cultus», 38).

  • QUARTO MISTÉRIO: A VERDADEIRA DEVOÇÃO NASCE DA FÉ
O Concílio oferece aos crentes alguns critérios para viverem de maneira autêntica a sua relação filial com Maria. Com estas palavras, os Padres conciliares advertem contra a «vã credulidade» e o predomínio do sentimento. Eles têm em vista sobretudo reafirmar que a devoção mariana autêntica, procedendo da fé e do amoroso reconhecimento da dignidade de Maria, impele ao afecto filial para com ela e suscita o firme propósito de imitar as suas virtudes (João Paulo II, Audiência Geral de 29 de outubro de 1997).

  • QUINTO MISTÉRIO: AMA FILIALMENTE E IMITAR AS VIRTUDES DE MARIA
Maria inspira-nos como deve ser vivido e apresentado aos homens e mulheres de hoje o seu mistério, de modo a influir na renovação da vida cristã. Necessitamos de conhecer melhor Maria. Necessitamos, sobretudo, de imitar a sua atitude espiritual e as suas virtudes, base da vida cristã. Desta maneira refletiremos em nós mesmos a imagem de Jesus. Ide com Maria a Jesus! Ela vos recordará continuamente o que disse nas Bodas de Caná: Fazei o que Ele vos disser! (João 2, 5) (João Paulo II, Mensagem ao Congresso Mariano de 1979).

  • ORAÇÃO PARA TODOS OS DIAS > > >
  • TEMA GERAL DO MÊS DE MARIA 2013 > > >
© Laboratório da fé, 2013

Maio, mês de Maria, 2013 — Laboratório da fé
Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 27.5.13 | Sem comentários
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários