A maternidade espiritual 


A Virgem Santíssima, predestinada para Mãe de Deus desde toda a eternidade simultaneamente com a encarnação do Verbo, por disposição da divina Providência foi na terra a nobre Mãe do divino Redentor, a Sua mais generosa cooperadora e a escrava humilde do Senhor. Concebendo, gerando e alimentando a Cristo, apresentando-O ao Pai no templo, padecendo com Ele quando agonizava na cruz, cooperou de modo singular, com a sua fé, esperança e ardente caridade, na obra do Salvador, para restaurar nas almas a vida sobrenatural. É por esta razão nossa mãe na ordem da graça (Constituição Dogmática sobre a Igreja — «Lumen Gentium», 61).

Mistérios a partir do texto da «Lumen Gentium»


  • PRIMEIRO MISTÉRIO: ENCARNAÇÃO DO VERBO
O nascimento de Jesus torna visível o mistério da Encarnação, que já se realizou no seio da Virgem no momento da Anunciação. Com efeito, veio à luz o menino que ela, instrumento dócil e responsável do desígnio divino, concebeu por obra do Espírito Santo. Através da humanidade assumida no seio de Maria, o Filho eterno de Deus começa a viver como criança e cresce «em sabedoria, em estatura e em graça, diante de Deus e dos homens». Ele manifesta-se assim como verdadeiro homem (João Paulo II, Audiência Geral de 10 de dezembro de 1997).

  • SEGUNDO MISTÉRIO: ESCRAVA HUMILDE DO SENHOR
«Eis aqui a escrava do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra»! Este foi o momento da vocação de Maria. Sem o Sim de Maria, Jesus não teria nascido. Agradecemos a Maria por ter escutado o chamamento divino, porque a sua pronta adesão esteve na origem da nossa salvação. Mas é necessário que o «sim» de Maria se repita sempre de novo, para que não faltem nunca ao mundo a possibilidade e a alegria de encontrar Jesus, de o adorar e de se deixar guiar pela sua luz (João Paulo II, Homilia de 20 de dezembro de 1981).

  • TERCEIRO MISTÉRIO: COOPERADORA NA OBRA DO SALVADOR
A Constituição Dogmática sobre a Igreja do II Concílio do Vaticano quer pôr no seu justo relevo o facto de a Virgem ter sido intimamente associada à obra redentora de Cristo, tornando-se «a mais generosa cooperadora» do Salvador. Mediante os gestos de toda a mãe, desde os mais simples até aos mais empenhados, Maria coopera livremente na obra da salvação da humanidade, em profunda e constante sintonia com o seu divino Filho (João Paulo II, Audiência Geral de 24 de setembro de 1997).

  • QUARTO MISTÉRIO: FÉ, ESPERANÇA E ARDENTE CARIDADE
O Concílio ressalta que a cooperação de Maria foi animada pelas virtudes evangélicas da obediência, da fé, da esperança e da caridade, e se realizou sob o influxo do Espírito Santo. Recorda, também, que precisamente dessa cooperação lhe deriva o dom da maternidade espiritual universal: associada a Cristo na obra da redenção, que inclui a regeneração espiritual da humanidade, tornou-se mãe dos homens renascidos para a vida nova (João Paulo II, Audiência Geral de 24 de setembro de 1997).

  • QUINTO MISTÉRIO: NOSSA MÃE NA ORDEM DA GRAÇA
Maria é mãe da humanidade na ordem da graça. A sua maternidade espiritual não se limita só aos discípulos. É , como se se devesse interpretar em sentido restritivo a frase pronunciada por Jesus no Calvário: «Mulher, eis aí o teu filho». Com essas palavras, com efeito, o Crucificado, estabelecendo uma relação de intimidade entre Maria e o discípulo predilecto, figura-modelo em escala universal, queria oferecer a Sua mãe como mãe a todos os humanos (João Paulo II, Audiência Geral de 24 de setembro de 1997).

  • TRÊS AVE MARIAS FINAIS
Nesta semana da vida, peçamos a Maria que nos ajude a dar mais vida à nossa vida. Maria é a Mãe de todos os que renascem para a vida. Ela é verdadeiramente a Mãe da Vida que faz viver todos os homens; ao gerar a Vida, gerou de certo modo todos aqueles que haviam de viver dessa Vida (João Paulo II, Carta Encíclica «O Evangelho da Vida», 138).

  • ORAÇÃO PARA TODOS OS DIAS > > >
  • TEMA GERAL DO MÊS DE MARIA 2013 > > >
© Laboratório da fé, 2013

Maio, mês de Maria, 2013 — Laboratório da fé

Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 17.5.13 | Sem comentários
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários