A Livraria no Laboratório da fé


Francesca Ambrogetti - Sergio Rubin, Paulinas Editora, Lisboa 2013, 211 páginas
Papa Francisco: conversas com Jorge Bergoglio 



Livraria Fundamentos - edições Paulinas Acaba de ser publicado em português o que talvez seja o livro mais interessante sobre a vida do actual Papa Francisco: um conjunto de entrevistas que o então bispo de Buenos Aires concedeu, em 2010, a dois jornalistas italianos, Francesca Ambrogetti e Sergio Rubin. Durante os meses de Abril e Maio está prevista a publicação a Portugal de diversas obras de Jorge Bergoglio ainda do seu ministério em Buenos Aires (escritos, conferências, homilias). Em «Conversas com Jorge Bergoglio», o actual Papa descreve a sua vida, o seu pensamento sobre diversos temas eclesiais, explica a sua posição durante a ditadura argentina, e partilha também episódios do seu ministério.
Partilhamos um pequeno texto de um «credo» pessoal, que Jorge Bergoglio apresentou aos dois jornalistas – o que pode bem ser de inspiração neste Ano da Fé. No final, como de costume, o índice do livro. Boas leituras!

«Quero crer em Deus Pai, que me ama como filho, e em Jesus, o Senhor, que me infundiu o seu Espírito na minha vida, para me fazer sorrir e levar-me assim ao reino eterno da vida.
Creio na minha história que foi trespassada pelo olhar amoroso de Deus e, num dia de Primavera, 21 de Setembro, saiu ao meu encontro para me convidar a segui-lo.
Creio na minha dor, infecunda pelo egoísmo, onde me refúgio.
Creio na mesquinhez da minha alma, que procura engolir sem dar… sem dar.
Creio em que os outros são bons, e que devo amá-los sem temor, e sem trai-los nunca à procura de segurança para mim.
Creio na vida religiosa.
Creio que quero amar muito.
Creio na morte quotidiana, ardente, de que fujo, mas que me sorri convidando-me a aceitá-la.
Creio na paciência de Deus, acolhedora, boa como uma noite de Verão.
Creio que o meu papá está no Céu junto do Senhor.
Creio que o padre Duarte também lá está intercedendo pelo meu sacerdócio.
Creio em Maria, a minha mãe, que me ama e nunca me deixará só.
E espero a surpresa de cada dia na qual se manifestará o amor, a força, a traição e o pecado, que me acompanharão até ao encontro definitivo com esse rosto maravilhoso que não sei como é, de que me desvio continuamente, mas que quero conhecer e amar.
Ámen.» (pág. 131)

Índice
1. A avó Rosa e o seu casaco com gola de raposa | 2. «Convém que comeces a trabalhar» | 3. «Estás a imitar Jesus» | 4. A primavera da fé | 5. Educar a partir do conflito | 6. «Quando brincava ao Tarzan» | 7. O desafio de sair ao encontro das pessoas | 8. O risco de degradar a mensagem religiosa | 9. O claro-escuro da consciência | 10. Um país que demora a descolar | 11. A construção de uma cultura do encontro | 12. «Também gosto de tango» | 13. O árduo caminho para uma pátria de irmão | 14. A noite escura que a Argentina viveu | 15. Razões para confiar no futuro | Uma reflexão a partir de Martín Fierro | Fotos

Rui Pedro Vasconcelos
Livraria Fundamentos — www.fundamentos.pt 

Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 17.4.13 | 2 comentários
2 comentários:
  1. já li, um livro surpreendente, ficamos com o sentimento de participar desta conversa. recomendo.
    catarina ramos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Catarina Ramos pela sua opinião. Se for possível partilhe connosco algumas das frases que mais contribuíram para a sua afirmação: «ficamos com o sentimento de participar desta conversa». Talvez seja interessante partilhar esse «sentimento» e abrir essa «conversa» com outros leitores!

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários