Histórias, contos e reflexões... fusão entre Ana Caridade e Julinha



Há uma ligação tão subtil que trespassa as gerações… vai passando de forma invisível. As repressões vividas, as histórias de dor, as agressões e desqualificações, a educação, tradições e costumes, a forma como se vive o afeto e os valores… uma herança que se ganha que é milenar. Recolho tradições para me entender e à humanidade e para transmitir vivências de outrora. Recolho histórias de vida, contos tradicionais, tradições e costumes… para manter viva as experiências positivas e libertadoras em tempos de profunda repressão e outras tantas de liberdade. Resguardo o original… e transformo o que considero, para mim, que já não faz sentido. Uma reinterpretação… e cada um tem a sua. 
Em educação afetiva, está muito presente esta herança familiar. De forma invisível vai trespassando a educação de pais para filhos, avós netos, tias e tios… há valores que se foram perdendo em nome da modernidade, há modos que ficam, de forma inconsciente, que esses sim, poderiam ter sido banidos. Penso que estamos numa fase de transformações profundas a nível de educação, quebra de padrões que já não servem e estimular o resgate dos valores que servem de pilares para a humanização… o que forma a Comunidade! 
Fascina-me ver a minha linhagem feminina, de lado materno e paterno, e perceber que influências passaram… o que mantenho como padrão, o que ficou nestas passagens invisíveis, o que herdei… e quebro com o que não faz sentido para mim, como um rasgar de pele. Mantenho vivo, como diamante precioso, o que me transmitiram como sabedoria e estimulação do amor.

© Ana Teresa Caridade

Ana Teresa Caridade, natural de Aveiro, vive em Braga, é professora de Educação Moral e Religiosa Católica, psicoterapeuta, criativa, narradora oral e professora de Hatha Yoga. Acredita que pode compilar e cruzar várias áreas: crescimento pessoal e espiritual, arte e comunidade. Explora a dança, o teatro, a música e a narração oral. Sente necessidade de explorar várias técnicas de psicoterapia.

Outros artigos publicados no Laboratório da fé
Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 13.3.13 | Sem comentários
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários