— palavra para terça-feira da segunda semana —



— Evangelho segundo Marcos 2, 23-28

Passava Jesus através das searas num dia de sábado e os discípulos, enquanto caminhavam, começaram a apanhar espigas. Disseram-Lhe então os fariseus: «Vê como eles fazem ao sábado o que não é permitido». Respondeu-lhes Jesus: «Nunca lestes o que fez David, quando teve necessidade e sentiu fome, ele e os seus companheiros? Entrou na casa de Deus, no tempo do sumo sacerdote Abiatar, e comeu dos pães da proposição, que só os sacerdotes podiam comer, e também os deu aos companheiros». E acrescentou: «O sábado foi feito para o homem e não o homem para o sábado. Por isso, o Filho do homem é também Senhor do sábado».

— O sábado foi feito para o homem e não o homem para o sábado

O judaísmo (como acontece em muitas religiões) impunha regras no uso do tempo e na alimentação. É o que está em causa neste relato: era sábado (tempo) e não se podia apanhar espigas (alimentação). São regras que querem controlar os seres humanos sobre aspetos que interferem com os direitos humanos. O religioso coloca-se antes do humano.
O humano tinha de se submeter de tal maneira ao religioso a ponto de, para assegurar a primazia da religião, se humilhar, ofender, magoar, sacrificar, (e até matar-se em nome da religião). E chegamos aos fundamentalismos religiosos que infelizmente continuam a existir no mundo.
Jesus não estava de acordo com estas normas, com este tipo de moral. Para Jesus a defesa da dignidade humana, dos direitos humanos, está acima de qualquer norma moral e religiosa. O «sábado» é importante. Mas o ser humano é muito mais importante. «O sábado foi feito para o homem e não o homem para o sábado».
Hoje, perante a verdade do Evangelho, é preciso rever as normas propostas pelas igrejas cristãs, sob pena de contrariarem a maneira de viver de Jesus Cristo. O «vinho» de Jesus liberta o ser humano de todas as falsas moralidades. Um vinho novo que não pode ser fechado em fórmulas legalistas.
Uma religião que não liberta as pessoas e não lhes dá alegria e felicidade não serve para nada!

Postado por Marcelino Paulo Ferreira | 22.1.13 | Sem comentários
Categorias: , ,
0 comentários:
Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
  • Recentes
  • Arquivo
  • Comentários